Selfie e direção não combinam

Campanha da DDB (Cidade do México) para a VW Das Auto.

DasAuto

Sobe ou desce?

Transformando os elevadores para chamar a atenção do público jovem que frequenta shoppings como ponto de encontro. Criação da agência Intermix (Curitiba, PR) para a Jovem Pan.

Elevator PAN

Exagerado, jogado aos teus pés

Não é bem um flashmob, mas vale pela ideia. Neste carnaval, a Avianca surpreendeu seus passageiros que partiam do Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, com destino a Salvador. Na ocasião, Emílio Dantas, intérprete de Cazuza no musical que homenageia o cantor, e outros atores cantaram músicas do artista em pleno voo.

O webfilme é uma produção da Filme Ibiza para as mídias sociais da companhia aérea e apoia a iniciativa de conscientização sobre a prevenção do HIV durante o feriado. O projeto é decorrente da parceria entre a Avianca, o Ministério da Saúde e a Sociedade Viva Cazuza.

 

Violência doméstica: um desfile de alerta

Como parte integrante da Campanha Internacional de 16 dias de Ativismo contra a violência baseada no gênero, a N’weti e a DDB criaram um desfile de moda diferente durante a Moçambique Fashion Week.

O poder dos sonhos

Com trilha do Eurythmics, este é o filme de 90 segundos para o Honda HR-V produzido pela Leo Burnett (Melbourne, Australia).

Café em stop motion

A marca japonesa Maxim Stick criou este vídeo em stop motion para quem curte café e arte.

 

Anúncio em mídia impressa ajuda a gelar cerveja

Propaganda em meio impresso pode ir além da comunicação habitual. Para provar isso, a Ogilvy Brasil criou uma peça diferente para a marca de cerveja Glacial. Saindo do convencional, o anúncio veiculado em revista traz as instruções para ajudar a gelar a bebida em menos tempo. Basta enrolar a folha do anúncio em volta da garrafa, umedecer e por para gelar. O “truque” é possível porque a página é composta por sal, que acelera o resfriamento já que reduz o ponto de congelamento da água.

Glacial

Instruções de segurança em família

Em uma ação de relacionamento da companhia aérea, parentes de passageiros substituíram a tripulação para apresentar as instruções de segurança do voo.

Cliente: TAM. Agência: Wunderman Brasil

Aperte ON: a vida faz convites o tempo todo

“Viva Redondo”. Estava mais do que na hora de ir além da propaganda tradicional, apresentando as experiências do consumidor. A sequência, no vídeo a seguir, foi transformada em comerciais para TV.

Mídia especial para anunciar a US Open

Criatividade: 15 mil bolas de tênis são usadas para anunciar mais uma temporada do Aberto dos Estados Unidos (US Open), um dos maiores torneios de tênis do mundo.

Perdeu algum objeto? Nós o levaremos até você.

A companhia aérea holandesa KLM, numa ação de fortalecimento da marca, colocou um “novo funcionário” da empresa a serviços dos esquecidos de objetos em um voo. Veja o resultado:

Tem alguém à sua espera

Vai sair? Tenha um plano de voltar seguro para casa. Afinal, amigos te esperam. Campanha da Budweiser.

Comunicação integrada é fundamental

FCMSCSP_Luiz SantiagoAções de marketing estruturado podem trazer inúmeros benefícios para uma organização. Nesta entrevista ao site da Fran Press, empresa de assessoria em comunicação, comento sobre o trabalho que desenvolvemos para a Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. Confira neste link.

Ao sabor do vento

Para o lançamento de seus produtos para cabelo, a Apolosophy tornou o uso de mídia out of home mais realista.

O melhor amigo

Para acompanhar a jornada da vida. Agência: MOFILM (Canadá). Cliente: Chevrolet / Chevy.

Todos querem se divertir

Comercial do novo VW up!, assinado pela AlmapBBDO.

E o filme “Nacionalidades”… ou, se preferir, uma “cutucada” nos concorrentes.

Reputação e comunicação corporativa

Tive um bate-papo muito agradável com a Camila Andrade, diretora da Porthia, sobre comunicação corporativa, no programa Reputação em Foco, transmitido pela Rádio Mega Brasil. O áudio não está atualmente disponível, mas fica aqui um registro dessa entrevista no estúdio da rádio web.

Luiz Santiago_Marketing_e_Camila_Andrade_Porthia_Rádio Mega Brasil
 

Estabilidade e conforto na condução de um veículo

Formas diferentes de se comunicar a característica de um produto: comercial demonstra o conforto de condução do veículo no sistema de controle inteligente “Magic Body” da Mercedes-Benz.

E a Jaguar manda o recado:

Economizar o cafezinho ou curtir pequenos prazeres?

“Com o crédito Bradesco, suas pequenas economias ajudam nas grandes conquistas”. Essa recente campanha, assinada pela WMcCann, me lembrou um texto do Max Gehringer, que reproduzo logo abaixo de alguns dos novos comerciais. E como me ensinou uma outra instituição financeira, o crédito é uma forma de antecipar no presente, por um preço maior, a realização de sonhos futuros.

Viver ou juntar dinheiro

Por Max Gehringer

Há determinadas mensagens que, de tão interessante, não precisam nem sequer de comentários. Como esta que recebi recentemente.

Li em uma revista um artigo no qual jovens executivos davam receitas simples e práticas para qualquer um ficar rico.

Aprendi, por exemplo, que se tivesse simplesmente deixado de tomar um cafezinho por dia, nos últimos quarenta anos, teria economizado 30 mil reais. Se tivesse deixado de comer uma pizza por mês, 12 mil reais. E assim por diante.

Impressionado, peguei um papel e comecei a fazer contas. Para minha surpresa, descobri que hoje poderia estar milionário. Bastaria não ter tomado as caipirinhas que tomei, não ter feito muitas viagens que fiz, não ter comprado algumas das roupas caras que comprei.

Principalmente, não ter desperdiçado meu dinheiro em itens supérfluos e descartáveis.

Ao concluir os cálculos, percebi que hoje poderia ter quase 500 mil reais na minha conta bancária.

É claro que não tenho este dinheiro. Mas, se tivesse, sabe o que este dinheiro me permitiria fazer? Viajar, comprar roupas caras, me esbaldar em itens supérfluos e descartáveis, comer todas as pizzas que quisesse e tomar cafezinhos à vontade.

Por isso, me sinto muito feliz em ser pobre. Gastei meu dinheiro por prazer e com prazer.

E recomendo aos jovens e brilhantes executivos que façam a mesma coisa que fiz. Caso contrário, chegarão aos 61 anos com uma montanha de dinheiro, mas sem ter vivido a vida.

Era eu cantando?

Com base em técnicas utilizadas no videoclipe “Take on me” do grupo A-Ha, na década de 80, a agência Deustch LA lançou um novo comercial para a VW dos Estados Unidos. O resultado é este aqui:

Para rever o videoclipe original:

O sentido da canção

O canal espanhol Kiss TV mostra como seria o mundo sem música, utilizando cenas de alguns videoclipes conhecidos. A nova campanha é produzida pelo artista visual Mickolaj Gackowski. Para entender o efeito, basta assistir  este vídeo com o coreano Psy . Agência: Lola Madrid.