Descarte com consciência

Sem me tomar pelo discurso “eco-chato”, dias atrás reservei um tempo para reunir, em casa, aquilo que chamaríamos de lixo eletrônico. De computadores e monitores velhos, encostados, passando por secretárias eletrônicas, celulares, videocassetes e TVs, até mesmo uma máquina de lavar antiga, encontrei de tudo. No final, listei mais de 40 itens de eletro-eletrônicos que precisavam ser descartados. Confesso que pesou muito a tal consciência ambiental e como descartar tudo isso de uma forma responsável.

Usei inicialmente o site Descarte Certo para verificar se meu lixo eletrônico poderia ser recolhido. Grandes redes, como o Carrefour, utilizam esse serviço e oferecem a seus clientes o recolhimento de um equipamento usado na contrapartida de você adquirir um novo. Não era meu caso. Para a retirada de todo o material, o simulador do site me apontou uma conta para mais de R$ 1.500,00 (eu deveria pagar esse valor pelo serviço de retirada com a garantia do destino ambientalmente correto). Quanto vale o descarte de lixo eletrônico feito de forma correta? Talvez não haja preço, mas devo admitir que não estava nem um pouco disposto a pagar esse valor.

Nesta reportagem do Fantástico, vi que alguns fabricantes poderiam ter políticas para retirada de produtos eletro-eletrônicos visando um fim ecologicamente correto aos seus equipamentos. Pesquisei em alguns sites e confirmei que a Dell, HP e Itautec são empresas que trabalham nesse sentido. Entretanto, minha lista de mais de 40 itens não seria atendida rapidamente e nem teria a cobertura de todos os fabricantes. Alguém aí tem produtos comprados de fornecedores sem consciência ambiental? Pense melhor pois lá na frente o descarte é praticamente impossível.

Enfim, acabei por consultar a lista do Instituto GEA, citado no programa da Rede Globo, e identifiquei a Oxigênio, uma Oscip (organização civil de interesse público ) que atua na área de promoção do desenvolvimento social e educacional, como instituição que aceitaria doações de material de informática e até dos aparelhos que descrevi anteriormente. Há mais instituições que trabalham com o propósito de recondicionar equipamentos em suas oficinas educacionais ou promover o descarte correto daquilo que não pode ser aproveitado. No caso da Oxigênio, a experiência foi muito positiva. Eles retiraram todo o material em meu endereço, sem restrições.

Se você pensa em fazer doações de seus velhos equipamentos (eletro-eletrônicos, produtos de informática), valem algumas recomendações, com base na experiência que tive. Primeiro, tenha consciência que você destinará preferencialmente a essas instituições equipamentos ou produtos que possam ser consertados ou reaproveitados de alguma forma. Faça uma lista completa dos itens a serem doados. Se a quantidade for pequena (às vezes a retirada pode não compensar por não estar na rota de transporte da instituição), o que não falta é alguém na família ou vizinhança que queira também descartar materiais eletrônicos.

Agrupe os itens da lista em categorias: Informática, Telefonia, Eletrônicos, Eletrodomésticos, Outros (móveis, por exemplo). Identifique uma instituição, próxima ao endereço para recolhimento, e faça o contato. Encaminhe sua lista para avaliação, por e-mail, e confirme se eles retiram realmente tudo o que foi listado. O interesse por uma categoria apenas, como produtos de informática, poderá não resolver seu problema, pois, você precisará recorrer a mais de uma instituição para dar um destino certo a todo o material. Após localizar quem se interessa por sua doação, combine o horário de retirada, confirme o nome do responsável e como o transporte será feito (se morar em apartamento, avise antes). Claro, certifique-se sobre o destino que seu material terá, pois o objetivo é descartar de forma correta, sem prejuízos ao meio ambiente.

Uma última dica é: faça a sua lista antes de “reunir” os objetos em um único local para facilitar a retirada. Depois de um dia, você lembrará de outros itens que havia se esquecido e estavam em uma gaveta (celulares antigos), no armário (secretária eletrônica), na garagem (estabilizadores queimados)…

No mais, boa sorte!

Anúncios

Tags:, ,

About Luiz Santiago

Profissional de Comunicação Corporativa e Marketing.

3 responses to “Descarte com consciência”

  1. Julio Dias says :

    Your post is very good! Most important your conscientization. Congratulations!

Trackbacks / Pingbacks

  1. Tweets that mention Descarte com consciência « People Marketing -- Topsy.com - setembro 2, 2010, quinta-feira, 13:12,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: