Tag Archive | competências

Dosar competências

Qual o conselho, como líder, que você daria a seu pessoal? Inicialmente eu responderia assim:

“Uma equipe vencedora só pode ser formada por profissionais que atuem com ética e responsabilidade em suas funções. A chave do sucesso está em saber dialogar com todas as pessoas com as quais nos relacionamos. Não há limites para superarmos desafios. Cada um é parte fundamental para alcançarmos nossos objetivos. Nada é impossível quando queremos chegar lá. A soma do talento individual [competências de cada integrante da equipe] é a nossa principal ferramenta para vencermos”.

Refletindo ainda mais a respeito, podemos considerar que uma equipe de sucesso é mesmo uma soma de talentos individuais, cabendo ao líder buscar o equilíbrio entre as competências necessárias para cumprir os objetivos propostos. Dialogar sempre é o conselho a que me refiro. Você concorda?

Anúncios

Vai mesmo trabalhar com propaganda?

Acredito que este vídeo dá uma oportunidade interessante para repensar melhor quais são, de fato, as atribuições de um profissional de Publicidade e Propaganda. Que esse trabalho continuará sendo importante no futuro, para apoiar as estratégias de comunicação das empresas, não tenho dúvida.

(Caso não consiga ver corretamente a legenda, clique na opção “tela cheia”).

Chore ou faça a diferença. Bem-vindo ao mundo.

É inevitável dizer que o novo profissional aguardado pelo mercado de trabalho desta época de retomada de crescimento econômico praticamente já  deverá nascer com o compromisso de fazer a diferença. 

Exageros à parte, como neste simpático comercial da LG, continuará valendo a soma de competências dos recursos humanos de uma empresa para se desenvolver projetos bem-sucedidos e manter o espaço da organização neste mercado cada vez mais competitivo. Nenhum projeto tem como dar certo se não houver o reconhecimento que pessoas é que continuam fazendo a diferença. Chorar é só uma consequência e um ato inerente ao ser humano.

Em tempo: no comercial da LG, o verso da música “Born to be wild”, algo como “Nascido para ser selvagem”, da banda Steppenwolf, é parte da trilha do filme Easy Rider (Sem Destino, 1969) que aborda a história de dois motociclistas que viajam pelos Estados Unidos, com a ideia de alcançarem a liberdade pessoal.

Que bons profissionais tenham sempre destinos conhecidos e que sejam agressivos (e não selvagens) apenas na forma de fazerem a diferença. E que as empresas permitam a liberdade de atuação, orientada e pautada por políticas que sejam sempre respeitadas, de forma ética e profissional.